Vida assim que eu não quis

Por Declev Dib-Ferreira em 18/03/2008

VIDA ASSIM QUE EU NÃO QUIS

Declev Reynier

A vontade que tenho
Ou a sensação que sinto,
É que murcho ao sol
Ou um peixe no anzol;

É que meu corpo
Curva-se
Apertada que está
Minha alma de amar;

Me sinto um corcunda
Ou um molusco fechado na concha,
Que me circunda uma nuvem negra
E um desabamento deslancha;

É assim que estou
Com um punho cerrado no peito
Pensando em mais nada
De mente vazia

Além do rosto da amada,
Que diz não estar feliz
Me fazendo morrer pra vida
Vida, assim, que eu não quis.

Textos Relacionados à "Vida assim que eu não quis"

ComplexoTu és assimVidas



Compartilhe:  Uêba  |   del.icio.us  |   Rec6  |   Linkk

  1. Um Comentário to “Vida assim que eu não quis”

  2. Por bruna em 08/04/2011 | Reply

    e gostei

Faça um Comentário

O que encontrar por aqui?

Estou unindo a minha cara de pau com o serviço inestimável de um blog cultural. Vejam só que idéia magnífica! Dói escrever e ninguém ler. Saiba mais

Quer assinar?

 Assine em um leitor Ou, receba por email:
Digite seu email: